domingo, 14 de fevereiro de 2016

A emoção do cocô!

Tenho que partilhar essa fase do Gui para mais tarde me lembrar e poder dar esperança para outras mães, caso passem pelo mesmo problema.
Meus filhos sempre foram crianças na média de tudo, andaram mais ou menos quando os outros andam, falaram mais ou menos quando os outros falam, tiraram a chucha mais ou menos na média, sem grandes frustrações, comem bem, tem suas birras, mas nada de excepcional, tudo mais ou menos na média... mas o Gui tinha um pequeno GRANDE detalhe... Cocô só na fralda.

Um trauma, uma mania, uma loucura, name it! 

Já tinha tentado muitas, muitas coisas e nem gostava muito de falar no assunto com outras pessoas, pois eventualmente sentia que era julgada, ou que o Gui era julgado. Algo me dizia que de um dia para outro ele se convenceria.
Todos os dias, quando chegava em casa da escola me pedia a fralda, fazia o que tinha para fazer, escutava um discurso de 15 minutos, e tomava seu banho.
Nunca houve um grande problema, a não ser numa festa de aniversário que ele queria vir para casa porque queria fazer o nº 2 e não conseguia, mesmo com fralda naquele parque. Mas lá teve que fazer, pois não facilitávamos a sua vida, mas se o desafiássemos, ele ficava até 3 dias sem fazer nadica de nada.
No começo da semana passada, nem sei como eu consegui convencê-lo de sentar-se na sanita, de fralda, e por milagre lá ele foi. Prometeu que nunca mais faria em pé e assim foi, mas com fralda!
Sexta- feira, ligam da sua escola, olho para o telemóvel e vejo o número da professora, prendo a respiração ( acho que todas as mães prendem a respiração quando recebem uma chamada da escola), atendo e a professora avisa logo que está tudo bem, que era o Gui a querer me dar uma novidade... A novidade era essa: ele tinha feito cocô na sanita sem fralda!
Eu ia quase desmaiando de alegria! 
Há dois dias que ele tem usado a sanita, portanto acredito que isso é para durar.  
Como prometido é devido terei de  o levar à Kidzânia, foi um dos acordos. Agradeço à Deus que a memória do Gui não é grande coisa, pois já tinha prometido tantas coisas para ele quando isso acontecesse que no mínimo teria que ir fazer um empréstimo no banco e comprar metade da Toy R us 
Finalmente! Estou muito contente!   NEXT!

Sem comentários:

Enviar um comentário