quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Que seja infinito enquanto dure...

É assim. Foi assim. Se calhar tudo nessa vida tem mesmo um começo, um meio e um fim.
Se a partida já sabemos disso, o melhor é relaxar e viver sabendo que muito provavelmente a relação não será para toda a vida.
Cada fase é diferente.
O começo é fácil. É a novidade e a adaptação! Tudo tão perfeito, cheirando a novo. Tudo funciona bem. Temos cuidado, tratamos com carinho, fazemos planos para conservar da melhor maneira aquilo que nos custou tanto a conseguir! Estimamos. Olhamos com carinho.
O meio é fase em que já nos adaptamos, no começo do meio ainda há muita alegria, um certo conforto na vivência, sobra ainda muita estima. Mas o tempo vai passando, e começam a aparecer os defeitos, no começo são pequenos detalhes, mas com o tempo ou os defeitos pioram, ou o dia-a-dia faz com que tenhamos menos paciência para as pequenas falhas. Já nada funciona mais tão bem. O brilho do começo já deixou de existir... vamos nos aproximando do fim.
Finalmente o fim. Já estamos tão cansados de conviver com os mesmos problemas que, por muito que tenha sido bom, por muito que a relação tenha sido correcta, que tenhamos convivido em harmonia ( os defeitos eram apenas irritantes, não fatais), percebemos que o fim está próximo. Não acho que seja fácil concluir isso. Claro que não. Custa imaginar a mudança. Custa imaginar o começar de novo... Mas se formos fortes o suficiente, realistas o suficiente e percebermos o momento em que tudo acabou e não esticar a corda, não deixar que tudo colapse de uma vez, não tornar urgente a mudança, mas ir percebendo que o fim é inevitável  e ir buscando novas alternativas, com  calma e com tempo, podemos ter um fim digno, carinhoso e ficar com boas recordações. Entender que acabou, mas foram muitos anos juntos e felizes. E partir para outra, a vida continua!
Troquei minha máquina de lavar roupa e não podia estar mais contente! Adorei a anterior, apesar de ser uma máquina maluca, super barulhenta... essa nova é silenciosa e cheia de funções legais...
Foi bom enquanto durou! 15 anos sem deixar de funcionar, sem precisar de conserto, nada... mas estava velhinha!!!


Sem comentários:

Enviar um comentário